EAD - Ensino à Distância Ágape Guia Profética 2018 Acesse a Loja do Expressão que Adora Culto Online 25/02/2018 Células Ágape - Horarios e endereços

domingo, 22 de dezembro de 2013

Importância de congregar


Vivendo em uma época de fácil acesso a informação, de opiniões sem critério e “revoluções flash-mob” fica cada vez mais difícil ter uma convicção ou um ideal formado. Com o evangelho instantâneo e imediatista sendo pregado o numero de pessoas “convertidas” tem sido quase o mesmo numero de pessoas “desviadas”. O IBGE recentemente divulgou que numero de pessoas que declaram não freqüentar uma igreja subiu alarmantemente, em 2000 de todos os evangélicos do país 1,1 milhão deles declararam que não tem vinculo institucional, em 2009 a mesma pesquisa indicou que esse numero subiu para 04 milhões! E só vem crescendo.

Muitos são os motivos e os argumentos para esse numero crescer cada vez mais, vejamos alguns argumentos:

“A salvação é individual. Não seremos julgados coletivamente como igrejas”.
“A igreja não salva ninguém. A igreja não morreu por nós, e não é capaz de nos salvar.”

 Algumas pessoas, compreendendo estes fatos, chegam à conclusão que a vida cristã não tenha nada a ver com a igreja. Pode freqüentar uma se quiser, mas também pode usar o tempo igualmente recebendo amigos em casa, passeando no shopping ou indo pescar. Pode comunicar com Deus em qualquer lugar, então quem precisa de igrejas?

O que Deus pensa a respeito?
A igreja (grego, ekklesia) é um grupo de pessoas chamadas para saírem do pecado e pertencerem a Cristo. Jesus prometeu edificar a igreja dele (Mateus 16:18). Deus comprou a igreja com seu próprio sangue no sentido que ele comprou cada pessoa salva (Atos 20:28, ICo 6:20).
Paulo frisou a importância de procedimento adequado “na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, coluna e baluarte da verdade” (1 Timóteo 3:15). Embora a igreja não salva, ela tem um papel fundamental na divulgação do evangelho, na preparação, instrução e apoio as pessoas. Devemos valorizar a casa de Deus.

Quando se trata da responsabilidade de participar de uma igreja, uma congregação local, o Novo Testamento não deixa dúvida. Além de muitos exemplos no livro de Atos e referências nas epístolas, encontramos instruções específicas que exigem a nossa participação nas reuniões de uma igreja.
Outras instruções exigem a nossa participação nas reuniões da igreja para participar da Ceia do Senhor (1 Coríntios 11:17-34; cf. Atos 20:7), para juntar ofertas (1 Coríntios 16:1-3; Atos 4:36-37; 5:1-2). Discípulos de Cristo se juntam, também, para cantar hinos de louvor e edificação (Efésios 5:19-21) e para ensinar a palavra do Senhor (1 Coríntios 14:26).

Pessoas que negligenciam estas responsabilidades, não participando dos cultos da congregação, desobedecem a Deus. Pecam contra os irmãos e contra o Senhor.
Seja fiel na sua participação em uma congregação local. E não deixe de examinar tudo para verificar que a igreja onde você congrega esteja realmente agradando a Deus em doutrina e prática (1 Tessalonicenses 5:21-22).

Nenhum comentário:

Postar um comentário